top of page
Buscar

As principais causas de furtos em condomínios

Os furtos em condomínios são uma preocupação frequente, pois podem afetar a segurança e o bem-estar dos moradores.


Tudo começa pela oportunidade

A falta de medidas de segurança adequadas, como portões sem fechamento automático, falhas em sistemas de câmeras de vigilância ou portas mal trancadas, pode criar oportunidades para que criminosos entrem no condomínio e cometam furtos.


Falta de Controle de Acesso

A entrada de pessoas desconhecidas no condomínio sem verificação adequada de identidade ou propósitos legítimos pode facilitar furtos, especialmente se essas pessoas não estiverem autorizadas a estar no local.


A importância de um porteiro

O porteiro desempenha um papel crucial na questão de segurança em condomínios e em diversos tipos de estabelecimentos



Por exemplo, no controle de acesso: O porteiro é responsável por controlar quem entra e quem sai das instalações do condomínio. Isso ajuda a garantir que apenas moradores, funcionários e visitantes autorizados tenham acesso às dependências, reduzindo assim o risco de intrusões e atividades criminosas.


Monitoramento de Entradas e Saídas: Além de controlar o acesso, o porteiro também monitora as entradas e saídas de pessoas e veículos. Ele pode registrar informações importantes, como horários de chegada e partida de visitantes e prestadores de serviços, fornecendo um registro que pode ser crucial em situações de segurança ou emergência.


Portanto, o principal elemento para evitar possíveis furtos em condomínio começa pelo porteiro. O porteiro não é apenas um funcionário que controla o acesso físico às instalações; ele é um componente vital para a segurança geral, promovendo um ambiente seguro, acolhedor e organizado para os moradores e visitantes do condomínio.


0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page